Botucatu, terça-feira, 23 de Julho de 2019

Cidade / Geral
10/05/2019

Forças de segurança e Prefeitura se reúnem com moradores do Jardim Paraíso



Segundo moradores, algumas repúblicas têm abusado no som alto após as 11 da noite e também fizeram queixas de menores consumindo álcool e até entorpecentes

 

Representantes do Poder Público do Município se reuniram nesta semana com moradores do bairro Jardim Paraíso. O encontro serviu para que Guarda Civil Municipal e Polícias Militar e Civil ouvissem algumas demandas e elaborassem soluções junto aos cidadãos.

Participaram da conversa o secretário municipal de Segurança, Marcelo Emílio de Oliveira, o secretário adjunto de Desenvolvimento, Daniel Lopes, o capitão PM Kleber Batista, comandante da 1ª Companhia da Polícia Militar em Botucatu, e o delegado seccional adjunto da Polícia Civil Lourenço Talamonte Neto.

“Segundo moradores, algumas repúblicas têm abusado no som alto após as 11 da noite. Esses moradores também nos apresentaram queixas de menores consumindo álcool e até entorpecentes. Por isso, vamos reforçar ainda mais o trabalho que vem sendo desempenhado para evitar novos transtornos e garantir a integridade dos nossos jovens”, afirmou Marcelo Emílio.

As equipes elaboraram um plano de ação que fortalecerá a fiscalização e monitoramento da Praça Isaltino Pereira e proximidades, já a partir deste fim de semana. Outras praças da Cidade também receberão a presença da GCM e da PM, como por exemplo, a Praça Raul de Barros, na região da Vila Aparecida.

Vale destacar que naquela região alta da cidade que compreende a Vila Antártica, Vila dos Lavradores, Jardim Paraíso, Vila Pinheiro, entre outros, estão instaladas a maioria das repúblicas da cidade. Um dado interessante é que a perturbação de sossego é uma contravenção penal e não vale apenas para o horário noturno. A lei não especifica horário e o crime é o mesmo,  seja ele praticado às três da tarde, como às três da manhã.










© Alpha Notícias. Todos os direitos reservados.