Botucatu, sexta-feira, 24 de Maio de 2019

Cultura / Educação
20/04/2019

Escritora botucatuense lança livro baseado em personagem de Machado de Assis



O historiador e escritor João Figueroa, que assina o prefácio dessa obra literária, num dos trechos descreve que “o livro é carregado de emoção, cheio de queixumes, desejos revelados, amores nutridos, amores desfeitos e querências adiadas”

 

A escritora Carmen Lúcia Ebúrneo da Silva, membro efetivo da Academia Botucatuense de Letras (ABL), desde 2007, ocupando a cadeira 13, tendo como patrono Machado de Assis, está lançando sua mais recente obra literária: Defesa de Capitu (reconto) e Simbella (conto). Obra baseada no livro Capitu Memórias Póstumas, de Domício Proença Filho e estudos da personagem Capitu, do livro Dom Casmurro, de Machado de Assis, publicado em 1899.

Capitu (Maria Capitolina Santiago) é a personagem mais discutida, a mais famosa de Machado de Assis. O escritor deixa o leitor numa eterna dúvida sobre o adultério da esposa de Bento Santiago, o Bentinho, ex-seminarista e advogado.  O narrador constrói uma narrativa ambígua, fazendo com que o leitor ora duvide, ora acredite na inocência de Capitu. O veredicto final fica por conta do leitor, mas é o próprio acusador que a absolve, na mesma medida que a condena. O romance abre um leque com opções a favor ou contra o fato. A personagem de Capitu deu origem a diversos estudos psicológicos e literários.

O historiador e escritor João Figueroa, que assina o prefácio dessa obra literária de Carmem Lúcia, num dos trechos descreve que “o livro é carregado de emoção, cheio de queixumes, desejos revelados, amores nutridos, amores desfeitos e querências adiadas”. E acrescenta: “Dá para sentir o gosto agridoce de uma vida pautada pela busca incessante pela realização do amor e pelo enfrentamento das desilusões. Uma vida ornada pelo fragor da esperança e pelo lamento caído com as lágrimas. Hora doce, hora amarga”.

Vale destacar que a escritora já criou uma peça teatral “Defesa de Capitu” e escreveu outros livros como: O Toque, Perfil e Reflexões Sobre Machado de Assis: Leitura Auricular e do Método Learsn is Fun. Além disso, foi a organizadora do primeiro livro de alunos-escritores da Escola Estadual Cardoso de Almeida – EECA intitulado “Sarau Lítero Musical, autora do livro do Centenária da Escola Normal – EECA e da Coletânea dos 40 anos da Academia Botucatuense de Letras.










© Alpha Notícias. Todos os direitos reservados.