Botucatu, segunda-feira, 27 de Maio de 2019

Regionais / Brasil
05/10/2018

Mais de 147 milhões de brasileiros estão aptos para votar nas eleições gerais



A ordem de votação para as eleições gerais definida pelo  Tribunal Superior Eleitoral (TSE),é a seguinte: deputado federal, deputado estadual, senador (dois votos), governador e presidente 

 

O primeiro turno da eleição presidencial no Brasil em 2018 está programado para ocorrer neste domiungo, 7 de outubro, das 8 às 17 horas,  para eleger o presidente e o vice-presidente da República. São 147.302.357 eleitores brasileiros, segundo dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE),  que poderão votar nos representantes políticos de sua escolha.  Caso nenhum candidato obtiver mais de 50 por cento dos votos válidos, a eleição irá para o segundo turno, que está agendado para 28 de outubro. O candidato e seu vice serão empossados em 1 de janeiro de 2019 para um mandato de quatro anos.

Além do presidente da República, o eleitor também irá escolher o governador de Estado, deputado federal e estadual, assim como dois senadores.  A ordem de votação para as eleições gerais é a seguinte: deputado federal, deputado estadual, senador (dois votos), governador e presidente.  O TSE sugere que  o eleitor pode anotar os números de seus candidatos na ordem correta de votação usando uma 'cola' como lembrete na hora de votar.

Caso o eleitor não se identifique com nenhum dos candidatos poderá optar pelo voto nulo ou branco. Não há diferença entre voto branco e voto nulo para a contagem dos votos, ambos são excluídos da totalização dos resultados. O eleitor vota branco quando pressiona a tela branca da urna eletrônica e confirma. Já o voto nulo ocorre quando há erro de digitação. Se o eleitor digitar um número que não corresponda a partido ou candidato, o voto é anulado.

Têm prioridade para votar os eleitores com mais de 60 anos, os doentes, os eleitores com deficiência ou mobilidade reduzida e as mulheres grávidas ou lactantes. Também têm prioridade candidatos, juízes eleitorais, promotores eleitorais, funcionários a serviço da Justiça Eleitoral e policiais militares em serviço.

Aponta o  Cadastro Eleitoral, que a maior parte do eleitorado brasileiro pertence ao gênero feminino. Ao todo, são 77.337.918 eleitoras, o que representa 52,5% do total. Já o gênero masculino reúne 69.901.035 cidadãos, representando 47,5% do eleitorado.

De acordo com as estatísticas da Justiça Eleitoral, a faixa etária com o maior quantitativo de eleitores é a que reúne cidadãos entre 45 e 59 anos de idade. Eles somam 35.742.439 brasileiros, o que corresponde a 24,26% do eleitorado nacional. Em seguida, estão os eleitores de 25 a 34 anos, que reúnem 31.149.869 pessoas – 21,15 % do total de eleitores.

O Estado com a maior população do país, São Paulo continua a ser o maior colégio eleitoral brasileiro, com 33.040.411 eleitores. O segundo maior eleitorado está em Minas Gerais, que soma 15.700.966 votantes, seguido pelo Rio de Janeiro, com 12.406.394 cidadãos aptos a participar do pleito este ano. O município brasileiro com maior número de eleitores é São Paulo, que reúne 9.052.724 cidadãos em condições de votar. O município com menor número de eleitores é Serra da Saudade (MG), que tem 941 registrados.










© Alpha Notícias. Todos os direitos reservados.