Botucatu, domingo, 20 de Outubro de 2019

Segurança
22/10/2017

Prefeito recebe guardas e investigadora que prenderam assaltantes em Vitoriana



Três pessoas foram identificadas: um maior de idade, um menor e um terceiro suspeito, da cidade de Igaraçu do Tietê.  Os dois primeiros foram encaminhados a Delegacia de Investigações Gerais da Polícia Civil, que segue investigando o caso

 

O prefeito Mário Pardini recebeu em seu gabinete os Guardas Municipais Trombaco, Alves e Dias, e a Investigadora Janis, da Polícia Civil, principais responsáveis pela prisão dos dois indivíduos que atacaram pedras e tijolos em veículos, no último fim de semana, no distrito de Vitoriana.

Acompanhados do Secretário Municipal de Segurança e Direitos Humanos, Adjair de Campos, do subcomandante da Guarda Civil Municipal, Weber Pimentel, dos delegados Antônio Soares da Costa Neto e Lourenço Talamonte Neto, da Polícia Civil, e do vereador Sargento Laudo, os guardas e a investigadora receberam uma saudação especial do prefeito.

“Quem trabalha no setor público tem que ter prazer em servir e essas pessoas possuem isso. Fiquei muito chateado ao saber das ocorrências em Vitoriana, mas muito feliz com a rápida atuação das nossas Forças de Segurança em defesa do nosso povo. Fica aqui a minha gratidão”, disse Pardini.

 

Relembre o caso

No último fim de semana, a Guarda Municipal de Botucatu e a Polícia Militar receberam chamados denunciando a presença de criminosos atirando pedras e tijolos nos carros que subiam sentido Botucatu, na tentativa de que os motoristas estacionassem seus veículos e se tornassem presas mais fáceis para o assalto.

Em resposta aos delitos ocorridos no Distrito de Vitoriana, o prefeito Mário Pardini convocou reunião com o comando das forças de segurança, no intuito de criar estratégias para que as investigações encontrassem o criminoso responsável o quanto antes, e ações inibissem novas ocorrências.

Na quarta-feira, 18, três pessoas foram identificadas: um maior de idade, um menor e um terceiro suspeito, da cidade de Igaraçu do Tietê.  Os dois primeiros foram encaminhados a Delegacia de Investigações Gerais da Polícia Civil, que segue investigando o caso.










© Alpha Notícias. Todos os direitos reservados.