Botucatu, quinta-feira, 17 de Outubro de 2019

Segurança
08/02/2018

Assaltante invade casa para roubar e barbariza idosos no centro da Cidade



Usando uma fita adesiva o criminoso amarrou o senhor de 80 anos, deu-lhe uma coronhada na cabeça  e exigiu que a mulher lhe entregasse todo o dinheiro que havia na casa

 

 

Um crime de roubo à mão armada seguido de lesão corporal dolosa foi atendido pelos policiais militares cabo Conte e soldado Tuono, na noite desta quarta-feira, dia 7,  na Rua General Telles, região central da Cidade, tendo como vítima um casal de idosos com 80 e 76 anos de idade, respectivamente.

De acordo com o que está relatado em boletim de ocorrência (BO), um desconhecido armado com um revólver invadiu a residência e rendeu o casal que estava na sala assistindo televisão. Fazendo ameaças e usando muita agressividade,  anunciou o assalto.

Com uma fita adesiva ele amarrou o senhor de 80 anos, deu-lhe uma coronhada na cabeça  e exigiu que a mulher lhe entregasse todo o dinheiro que havia na casa. A senhora foi até o quarto, acompanhada do marginal e entregou a ele R$ 300.  Na sequência ele também amarrou a mulher com a fita e fugiu.

Somente depois de vários minutos após o ladrão ter ido embora é que o homem conseguiu se livrar das amarras e acionou a PM que conduziu o casal ao plantão permanente para que a delegada Simone Alves Firmino elaborasse o boletim de ocorrência (BO). O roubo foi encaminhado à Delegacia de Investigações Gerais (DIG) para apuração do crime e identificação do marginal. O homem, em razão da agressão sofrida,  foi medicado no Pronto Socorro Regional da Vila Assunção.

O delegado da DIG, Celso Olindo, adiantou que já tem um suspeito da autoria desse crime contra o casal de idosos. Uma hipótese levantada é que o assaltante teria sido informado por alguém que naquele casa havia somente um casal de idosos, que não ofereceria resistência ao assalto. "Temos indícios fortes sobre a autoria desse roubo, mas não vamos adiantar detalhes para não atrapalhar o trabalho investigativo. Acreditamos que nas próximas horas teremos novidades sobre este caso", previu o delegado.










© Alpha Notícias. Todos os direitos reservados.