Botucatu, sábado, 19 de Outubro de 2019

Segurança
06/03/2018

Cidadão é preso por desrespeitar medida judicial protetiva e estuprar ex-mulher



Durante a abordagem os policiais perceberam que a mulher estava inquieta ao lado do averiguado, que é conhecido nos meios policiais por envolvimento com o tráfico de entorpecentes

 

Ao atender a um caso de flagrante de tráfico de entorpecentes pela região da Vila Antártica onde interceptaram um veículo da linha Hyndai com quatro pessoas, os policiais militares Moreno e Rodrigo registraram a um caso de desobediência a uma medida judicial protetiva, seguida de estupro e ameaça.

Nesse carro estava no banco de passageiro (traseiro) um casal em vias de separação, ele como 31 anos e ela com 24. Durante a abordagem os policiais perceberam que a mulher estava muito inquieta e desconfortável ao lado do averiguado, que é conhecido nos meios policiais por envolvimento com o tráfico de entorpecentes.

Ao ser questionada pelos policiais ela alegou que o ex-marido, alcunhado de Belo, a obrigou a entrar no carro e que mesmo em vias de separação ele teria ido até sua casa e a estuprado e ameaçado. Além disso, ele tinha contra si uma medida protetiva expedida pelo juiz que o proíbe de se aproximar da mulher a uma distância de 200 metros.

O casal foi conduzido à Delegacia de Defesa da Mulher (DDM) e apresentado a delegada Ana Paula Theodoro Bengozi, que fez o boletim de ocorrência (BO) indiciando o acusado em crime de desobediência, ameaça e estupro, sendo o mesmo recolhido à cadeia transitória de Itatinga.










© Alpha Notícias. Todos os direitos reservados.