Botucatu, quarta-feira, 16 de Outubro de 2019

Segurança
24/06/2018

Polícia flagra dispositivo para lesar clientes dos bancos em Botucatu e São Manuel



Criminosos colaram etiquetas adesivas nos caixas eletrônicos, anunciando um número de telefone 0800, que simulava a Central de Relacionamento do Banco para ser atendido por integrante da quadrilha que solicitava informações pessoais 

 

As forças de segurança de Botucatu e São Manuel estão trabalhando para identificar os criminosos que entraram nas agências do Banco Santander (duas em Botucatu e uma em São Manuel) e instalaram um dispositivo de travamento do cartão magnético (conhecido como chupa-cabra) que impossibilitava o cliente retirá-lo.

Eles colaram etiquetas adesivas nos caixas eletrônicos, anunciando um número de telefone 0800, que simulava a Central de Relacionamento do Banco. O cliente, acreditando ter contatado a central de relacionamento para relatar o problema do travamento, era atendido por integrante da quadrilha, o qual solicitava informações pessoais e bancárias.  Também anunciava que faria o cancelamento do cartão, que este lá permaneceria até o dia útil subsequente e o gerente removeria para devolução.

Quando o cliente deixasse a agência, um infrator lá retornaria para subtrair esse cartão e o material ilícito instalado. Em posse do cartão e da senha, realizaria operações bancárias em nome da vítima, quando esta acreditava no bloqueio bancário. Essa ação foi frustrada pela Polícia Militar, a qual identificou o material e o apreendeu. Coletou imagens dos criminosos para a realização da prisão, mas estes já haviam fugido do local. Não é possível informar se houve vítima.

A Polícia Militar orienta que, caso alguém tenha se deparado com tal incidente, transmitiu informações bancárias e não conseguiu a remoção do cartão magnético, confeccionar boletim de ocorrência (BO) e realizar o cancelamento imediato do cartão. Se identificar tais equipamentos ilícitos em uma agência bancária, ligar imediatamente 190.










© Alpha Notícias. Todos os direitos reservados.