Botucatu, quinta-feira, 17 de Outubro de 2019

Segurança
15/08/2018

Polícia Ambiental de Botucatu apreende arma, aves e munições em Anhembi



Infrator foi autuado em flagrante sendo a arma, munições, carne de animal silvestre e munições apreendidas e conduzidas à delegacia de Anhembi, onde o delegado Geraldo Franco  Pires, fez o BO aplicando as punições e multas cabíveis ao fato

 

Equipe composta pelo  sargento Magorbo, cabo Foglia e soldado Sarto atendeu a uma denúncia anônima sobre manutenção de aves silvestres em cativeiro em  uma residência no Distrito de Pirambóia, município de Anhembi.  Ao chegar pelo local da denúncia, durante a vistoria, logo ao entrar na residência, foram localizados 3  papagaios verdadeiros  (Amazona aestiva) em seus devidos viveiros, bem alimentados, com comida e água abundante, em local limpo e livre das intempéries.

Entretanto, apenas uma das aves estava anilhada, sob a inscrição (CCSF 045), porém o proprietário não localizou a devida documentação comprovando sua procedência. No mesmo cômodo que foram localizadas as aves, foram também encontradas 8 cápsulas carregadas de calibre .32, sendo seis da marca Lapua e dois da marca CBC, todos intactos;  55 cartuchos calibre 28, sendo cinqüenta e quatro intactos e um deflagrado, todos da marca CBC.

No quarto do casal, embaixo da cama, enrolada em uma blusa azul, foi localizada uma espingarda calibre 28 da marca Boito, desmuniciada, com numeração aparente “177870”, em bom estado de conservação. Em um terceiro cômodo, que servia de depósito para guarda de ferramentas e materiais diversos, foram localizados os seguintes itens 5 cápsulas carregadas calibre 7.62 intactas, da marca DWN;  6  cápsulas carregadas calibre .38 intactas, sendo cinco da marca CBC e um da marca Lapua:  uma cápsula carregada calibre .380 intacta, da marca FC;  17 cápsulas carregadas calibre .22 intactas, da marca CBC;  5 frascos de plástico contendo um total de 377,89 gramas de pólvora;  4 frascos de plástico contendo um total de 478,19 gramas chumbo;  2  frascos de plástico contendo um total de 38,17 gramas de espoleta;  uma lanterna para cabeça da marca J.W.S e um cinturão de couro, com compartimentos para munições. Além disso,  nesse mesmo cômodo havia  um freezer vertical contendo em seu interior uma peça de pernil de Javali, pesando 4,250Kg e mais 4,155Kg de lingüiça de Javali.

Indagada a proprietária da residência informou que uma das aves recebeu de doação após o falecimento de seu sogro, e que esta na família aproximadamente há 50 (cinqüenta anos), sendo que a mesma possui anilha e as outras duas aves, estão na família aproximadamente há 5 anos,  mas sem registro.

Em relação a espingarda e as munições informou que são de propriedade de seu marido, o qual recebeu de familiares. O homem informou que possuí as aves há bastante tempo e que herdou a espingarda calibre 28 do seu pai, com as devidas munições. Também possui munições de outros calibres e algumas dessas achou em 1970 numa antiga construção que trabalhou. Não tem conhecimento sobre documentação referente à arma de fogo.

Como medida administrativa, o homem foi autuado em flagrante sendo a arma, munições, carne de animal silvestre e munições apreendidas e conduzidas, junto com o casal à delegacia de Anhembi, onde o delegado Geraldo Franco  Pires, fez o boletim de ocorrência (BO) aplicando as punições e multas cabíveis ao fato, conforme estabelece a lei ambiental,  ficando os infratores à disposição da justiça. As peças de carne foram encaminhadas ao aterro sanitário do município de Botucatu.










© Alpha Notícias. Todos os direitos reservados.