Botucatu, sábado, 24 de Agosto de 2019

Segurança
21/05/2019

Homem é preso por importunação sexual contra lojistas no centro da Cidade



Encaminhado ao plantão permanente, o acusado relatou que havia ingerido bebida alcoólica e não tinha noção do crime que estava cometendo, sendo indiciado e recolhido à cadeia transitória de Itatinga

 

Um homem de 55 anos se idade foi preso em flagrante nesta segunda-feira, acusado de crime de importunação sexual, tendo como vítimas duas funcionárias, de 19 e 21 anos, de uma loja de confecções na Rua Amando de Barros, região central da Cidade.

Aponta o boletim de ocorrência que o acusado entrou na loja e passou a importunar as duas moças, chegando a passar as mãos no seio de uma delas. Em seguida o homem foi embora, mas retornou minutos depois e voltou a proferir palavras de baixo calão, tentando passar as mãos nos órgãos genitais da outra jovem. Desta feita o acusado não teve tempo de fugir e foi detido por populares até a chegada da guarnição da Polícia Militar.

Encaminhado ao plantão permanente o acusado relatou à delegada Simone Alves Firmino que havia ingerido bebida alcoólica e não tinha noção do crime que estava cometendo. Acabou indiciado e recolhido à cadeia transitória de Itatinga.

O crime de importunação sexual, definido pela Lei nº 13.718/18, é caracterizado pela realização de ato libidinoso na presença de alguém de forma não consensual, com o objetivo de “satisfazer a própria lascívia ou a de terceiro”. O caso mais comum é o assédio sofrido por mulheres em meios de transporte coletivo, mas também enquadra ações como beijos forçados e passar a mão no corpo alheio sem permissão. O infrator pode ser punido com prisão de um a cinco anos.










© Alpha Notícias. Todos os direitos reservados.