Botucatu, sábado, 24 de Agosto de 2019

Segurança
31/05/2019

Homem descumpre medida judicial protetiva e intimida ex-mulher e duas filhas



Descreve o BO que o acusado se separou da então esposa e foi morar na Cidade de Lorena, mas não aceitava a separação, passou a ameaçá-la e ela obteve a medida protetiva para que ele mantivesse uma distância de, no mínimo, 200 metros

 

No início da noite desta quinta-feira (30) um homem de 44 anos de idade foi indiciado e recolhido à cadeia transitória de Itatinga por determinação da delegada Ana Carolina de Brito Ferreira por crimes de ameaça, violência doméstica e descumprimento da medida judicial protetiva em favor de sua ex-mulher de 40 anos e de suas duas filhas, com 7 e 14 anos.  

Descreve o boletim de ocorrência (BO) que o acusado se separou da então esposa e foi morar na Cidade de Lorena. Como não aceitava a separação ele, segundo a mulher, passou a ameaçá-la e conseguiu a medida protetiva para que ele mantivesse dela uma distância de, no mínimo, 200 metros.

Entretanto, nesta quinta-feira, ele retornou a Botucatu e teria procurado pelas filhas. Chegou, inclusive, de acordo com o BO, a ir até a escola onde a filha de 7 anos estuda e pediu para tirá-la da sala de aula, mas não conseguiu seu intento.

Posteriormente, foi até o local onde a ex-mulher trabalha e passou a fotografá-la com um telefone celular. Sentindo-se intimidada a mulher acionou a Polícia Militar que deu voz de prisão ao acusado na Avenida Santana, região central, e ele acabou conduzido ao plantão permanente da Polícia Civil, onde prestou depoimento antes de ser recolhido à cadeia.










© Alpha Notícias. Todos os direitos reservados.